Inicio

O site RIGGER possui informações voltadas para o setor de movimentações de cargas diversas por meio de guindastes.

SOU CLIENTE e desejo contratar um Rigger

SOU RIGGER e desejo divulgar meus trabalhos

SOU ESCOLA quero divulgar meus cursos

13 respostas a Inicio

  1. Ricardo Torres disse:

    Uma excelente iniciativa, com certeza, para adeptos e profissionais envolvidos em içamento e movimentação de cargas. Certamente boas discussões e contribuições fluirão deste ambiente.

    Ricardo Torres

  2. Eberson Jaime Marques Silva disse:

    Parabéns pela iniciativa, isso vai ajudar muitos profissionais que estão no ramo e
    também iniciando para ter oportunidades de empregos, devidos algumas visitas.

  3. Ediclaudio Gomes Pereira disse:

    Parabéns pela iniciativa, com certeza, para adeptos e profissionais envolvidos em içamento e movimentação de cargas. Certamente boas discussões e contribuições. isso vai ajudar muitos profissionais que estão no ramo.

  4. Adilson Rocha disse:

    Louvavel a iniciativa, considerando-se o aumento subistancial de demanda na área de movimentação e armazenagem, máquinas e equipamentos significam um investimento alto, precisam de pessoas que saibam conduzir dentro das normas de segurança e com habilidade, os profissionais devem corresponder à essas expectativas quando realmente habilitados.

  5. leonardo thomazelli disse:

    e muito emportante para nos, RIGGER ter empresa e adebtos da nossa profis.
    estou abrindo um canal onde irei informar onde esta tento vagas no meu estado ES.
    gostaria que todos entrace em contato comigo asim ficaria melhor. leonardolugon@hotmail.

  6. Deodoro Denites disse:

    Tambem acho esta iniciativa muito importante, igualmente importante é mudar esta nomenclatura. É bom lembrar que estamos no Brasil e esta palavra rigger e rigging são apenas palavras que adotamos advinda do ingles.
    Nos já temos palavras para nomear o proficional desta area.
    Técnico em Movimentação de Cargas, é o proficional que colhe dados para elaborar o plano e ou estudo para Movimentação de cargas (estudo de rigging).
    Sinalizador, é o proficional que alem de orientar o operador do guindaste com sinais especificos, tambem é conhecedor de formas de amarrações ou lingadas e obrigatoriamente, conhecedor de calculos para a utilização de cabos de aço e que tambem saiba interpretar o Plano para Mov. de Cargas.
    O Istituto OPUS a algum tempo esta em contato com entidades de classe como Sest CETSESP e outros a fim de ajustar esta nomenclatura para que apareça no perfil proficiografico das empresas e do INSS.
    Eu particularmente concidero meu perfil com Tec. em Mov. de Cargas.
    Com isto eu tenho me distanciado do constrangimento quando alguem pede por um rigger ( pessoa que no conseito da maioria, é reponsavel pela amarração das peças a ser içadas).

  7. Senhores
    Estamos trabalhando na formatação de um curso de técnico em movimentação de cargas, mas isto não é algo simples pois para oferecermos uma qualificação de técnico seria necessário um mínimo de 1080 horas, algo que para a grande maioria se tornaria quase impossivel devido a rotina de obras.
    Estamos estudando junto ao MEC a possibilidade de 75% desta horas de educação a distância e 25 presencial.

    Hoje no Brasil temos um sério problema sobre a definição o termo rigging, muita gente não sabe o real significado, esta palavra significa “equipar”, isto mesmo equipar e Rigger é o Equipador.
    Equipar de equipar a carga para o seu içamento, transporte ou remoção, ou seja manilhas, cabos, ganchos, laços, todos os acessórios e dispositivos nescessarios assim como equipamento de guindar.

    Morei nos Estados Unidos e no Canada onde trabalhei com ótimos profissionais de movimentação de carga e tambem fiz alguns cursos relacionados ao assunto, e uma das maiores diferença entre o profissional americano e canadense do brasileiro, é que fora o profissional para receber o titulo de rigger tem que saber sobre técnicas de remoção, transporte, arrasto, técnicas de içamento e tambem sobre o guindaste, pois fora a principal preocupação é a carga.

    Aqui no Brasil o profissional tenta se especializar em guindaste o que infelismente nunca acontece pois temos pouquissima, quase nenhuma literatura, normalmente vemos o profissional se focando no guindaste, e temos que lembrar que o guindaste é apenas uma ferramente utilizada em movimentação de carga.

    Conheço muitos profissionais que se julgam ótimos riggers só porque tem uma vasta coleção de desenhos de guindaste ou porque sabe fazer plano de rigging em 3D, mas não imagino um profissional deste em uma plataforma de petroleo, tendo de fazer uma remoção com talhas, tirfor e esticador.

    Isso sim é ser rigger e não só desenhar guindaste, rigger antes de mais nada é um solucionador de problemas e não simplesmente um desenhador de guindastes.

    Isto pelo menos é o eu penso, o que aprendi e o que repasso para meus alunos.

    Um abraço a todos e até mais

    Cristovão de Souza
    Diretor Técnico
    SERTECH Treinamentos
    (41)9938-4777

    • Claudio Barros Nogueira disse:

      parabens pelo seu comentário, explicação.
      sou iniciante em movimentação de cargas e minha porta de entrada foi o conhecimento que tenho com projetos e softwere autocad. foi muito bom ter participado do içamento de uma torre de 45mts e 106ton dei minha contribuição com o projeto e ajudei no nivelamento do terreno para a disposição das chapas de aço pois o guindaste um SKYHORSE 11302 ESTEIRA
      quero aprender muito ainda sobre guinadastes acho muito fascinate.

    • Joana Joaquina disse:

      Vá em frente, Cláudio Barros Nogueira. Cresça. Invista em vc como profissional! Mas não deixe de respeitar as pessoas. Invista em vc como pessoa tbm. Tente ser melhor!

    • jose maria alves pedrozo disse:

      tenho 35 anos na area de movimentação de carga. sky horse 11302 eu não conheco so o 11320,se tiver foto do 11302 favor enviar.

  8. leonardo thomazelli disse:

    Isso ai christovao
    seria um grande avanço no nosso seguimento, ter profissionais com curso técnico, isso seria perfeito.
    Eu serei o primeiro a fazer parte dessa primeira turma pois quero estar mais que apto e preparado pro mercado que hoje esta cada dia mais seleto.
    Deixaríamos de ser apenas rigger, que pra mim e um prazer ser rigger, mais sim, ser técnico de içamento de cargas, vai ser um prazer fazer parte dessa idéia e revolução do mercado, porque, quem tiver esse curso não vai ser mais um rigger e sim um técnico em içamento de cargas, e esta afrente dos outros.
    Att: thomazelli.

  9. rigger2010 disse:

    Muito bom essa iniciativa pois em 2007 quando iniciei como rigger não existia site como esse muito bom mesmo, parabéns!!!!!

  10. Helio Brum Nogueira disse:

    Sou Técnico de Segurança do Trabalho e estou com jum problemão.
    Quero exigir a presença do rigger na atividade de elevação de cargas, o engenheiro diz que basta o sinaleiro (aliás, esta é a função que consta na CBO), o que fazer?

Deixe uma resposta